Pedido de Música

Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Vereador encontrado com dinheiro na banheira recebe R$ 84 mil de salário retroativo mesmo afastado do cargo - Web Rádio PQP

Vereador encontrado com dinheiro na banheira recebe R$ 84 mil de salário retroativo mesmo afastado do cargo

A Câmara de Petrópolis, na Região Serrana do Rio, pagou R$ 84.615,09 de salário retroativo ao vereador afastado Paulo Igor Carelli (MDB).

O pagamento foi feito em cumprimento a uma ordem do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ).

A decisão determina que Paulo Igor volte a receber o salário normalmente até que ocorra uma “possível sentença condenatória”.

Ele foi preso no ano passado com dinheiro na banheira durante a operação Caminho do Ouro do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) e da Polícia Civil, que investiga crimes de fraudes em licitação e peculato.

Paulo Igor ficou na prisão por cinco meses e foi solto em setembro de 2018, após conseguir um habeas corpus do Supremo Tribunal de Justiça (STJ).

A defesa do vereador afastado nega o envolvimento dele nos crimes e diz que o dinheiro encontrado na casa de Paulo Igor era lícito e resultado da venda de um imóvel.

Paulo Igor voltou a receber salário da Câmara Municipal — Foto: Divulgação/Câmara Municipal

Paulo Igor voltou a receber salário da Câmara Municipal — Foto: Divulgação/Câmara Municipal

Na época em que ficou preso, a Câmara suspendeu o pagamento dos salários do vereador.

Mas, depois o juiz da 4ª Vara Cível, Jorge Luiz Martins, determinou que fosse feito o pagamento de 40% do salário à mulher de Paulo Igor. Logo que foi preso, o vereador renunciou ao cargo de presidente da Câmara.

Presidente da Câmara de Vereadores de Petrópolis escondia 155 mil reais em banheira — Foto: Reprodução/TV Globo

Presidente da Câmara de Vereadores de Petrópolis escondia 155 mil reais em banheira — Foto: Reprodução/TV Globo

Deixe seu comentário:

Publicidade

Últimas do blog

© Direitos reservados - Web Rádio PQP Web Rádio administrável